Menos Sono na Infância Aumenta Risco de Obesidade

Gostou deste artigo? Agradeça divulgando:Tweet about this on Twitter0Share on Google+0Share on Facebook0

Um estudo, publicado no site do BMJ (um site de saúde para médicos), seguiu 244 crianças entre as idades de três e sete anos.

Ele constatou que mais sono foi associado a um menor peso, o que pode ter importantes consequências para a saúde pública.

Especialistas britânicos afirmam que não havia “nenhum dano” em chamar a atenção para a ligação entre o sono reduzido e problemas de saúde.

As crianças foram observadas a cada seis meses quando a sua altura, peso e gordura corporal eram medidos. Seus hábitos de sono e níveis de atividade física foram registrados nas idades de três, quatro e cinco.

Os pesquisadores descobriram que aquelas crianças que tinham menos horas de sono em seus anos anteriores estavam em maior risco de ter um Índice de Massa Corporal superior aos sete anos de idade.

Esta ligação continuou mesmo quando outros fatores de risco, como o sexo da criança e a atividade física, foram contabilizadas em suas pesquisas.

“Risco para a saúde”

As razões sugeridas para essa ligação incluem simplesmente ter mais tempo para comer e alterações de hormônios que afetam o apetite.

Em uma análise de acompanhamento, os professores Francesco Cappuccio e Michelle Miller, da Universidade de Warwick, disseram que pesquisas futuras devem “explorar e validar o comportamento novo, baseado em métodos sem droga, para prolongar o tempo das crianças e adultos dormindo”.

“Entretanto, não faria mal aconselhar as pessoas que uma redução sustentada do tempo de sono pode contribuir para a saúde a longo prazo em doentes adultos e crianças”.

O Dr. Ian Maconochie, do Colégio Real de Pediatria e Saúde Infantil disse que: “As crianças menores de cinco anos, geralmente tinham em média pelo menos 11 horas de sono noite e em cochilos diurnos”.

“No entanto, 20% das crianças nesta idade experimentaram problemas de dormir, e já sabemos que o sono inadequado tem um impacto significativo na atenção, memória, comportamento e desempenho escolar. Este trabalho é uma adição útil para o nosso conhecimento dos padrões do sono das crianças”.

Via: BBC News Health

Gostou deste artigo? Agradeça divulgando:Tweet about this on Twitter0Share on Google+0Share on Facebook0

You may also like...

Tem algo a acrescentar? Compartilhe nos comentários.