O que Acontece Depois da Lipoaspiração

Gostou deste artigo? Agradeça divulgando:Tweet about this on Twitter0Share on Google+0Share on Facebook0

Quem precisa de dieta e exercício, quando você tem a lipoaspiração? Esse processo agora é a cirurgia plástica mais popular nos EUA, com cirurgiões fazendo esse tipo de procedimento em quase meio milhão de pacientes por ano. Mas um novo estudo descobriu uma desvantagem: a gordura, facilmente sugada, tende a reaparecer em outro lugar do corpo.

Lipoaspiração, como é o pós-operatório

Liderados pelos Drs. Teri L. Hernandez e Robert H. Eckel, da Universidade do Colorado, pesquisadores designaram aleatoriamente 32 mulheres não-obesas em seus 30 anos de idade em dois grupos: um grupo recebeu uma lipoaspiração nas coxas e abdômen, enquanto um grupo de controle não recebeu cirurgia. No entanto, ao grupo de controle foi dito que poderiam fazer a lipoaspiração após o fim do estudo e após descobrirem os resultados.

Uma pena o grupo da cirurgia não obter o mesmo negócio, porque toda a gordura que tinham removido por meio da lipoaspiração acabou voltando dentro de um ano. Ao invés de reaparecer nas coxas das mulheres e nas barrigas, porém, ela “foi redistribuída acima”, Eckel disse ao New York Times, principalmente na parte superior do abdômen, e também ao redor dos ombros e nas costas dos braços.

A razão para a gordura simplesmente reaparecer longe de onde foi aspirada: provavelmente porque a lipoaspiração destrói as estruturas sob a pele, onde residem as células de gordura.

Mas, apesar do fato de que as mulheres no estudo ganharam novamente toda a gordura que tinham perdido, elas ainda estavam felizes com o resultado. “Elas odiavam os quadris e as coxas e só queriam que a gordura desaparecesse”, Kolata escreve. “Quanto s mulheres do grupo de controle, quando o estudo terminou e elas souberam dos resultados, mais da metade ainda optou por uma lipoaspiração”.

A pesquisa foi publicada na revista Obesity.

Gostou deste artigo? Agradeça divulgando:Tweet about this on Twitter0Share on Google+0Share on Facebook0

You may also like...

Tem algo a acrescentar? Compartilhe nos comentários.